Navegue
14
Maio
2018

Entrevista: Alice Salvo Sosnowski

Alice Salvo SosnowskiO sorriso de Alice é uma marca na memória afetiva de quem a conhece. Alice Salvo Sosnowski eu conheci, claro, no LuluzinhaCamp. E vi essa moça casar, ter filha, emprender, mudar a vida.

Semana passada recebi uma linda notícia: a Alice vai lançar seu livro Empreendedorismo para Leigos, na próxima terça, dia 15 de maio (serviço lá embaixo). Pode esperar um ótimo livro, cheio de boas dicas e informação bem apurada.

Enquanto a terça não chega, conheça melhor essa mulher que faz do Brasil e da internet lugares um pouco melhores.

Alice Salvo Sosnowski

Profissão e idade: Alice Salvo Sosnowski, jornalista, empreendedora, mãe, 41 anos

Quais são seus projetos mais queridos?

O melhor deles é minha filha, Luana, de 10 anos. O mais desafiador e o que gera mais felicidade! Outro é O Pulo do Gato, um blog que comecei em 2009 para escrever sobre empreendedorismo e inovação e que virou uma metodologia de educação empreendedora e uma filosofia de vida e negócios que aplico tanto na minha empresa como nas mentorias que dou. E agora, o mais recente, é o projeto de dar aulas na PUC, que tem me ocupado bastante tempo, mas tem sido muito recompensador. Ensinar é uma arte que precisa ser levada com dedicação. Mas o feedback dos alunos é imediato e isso me deixa muito entusiasmada.

O que você faz na internet?

trabalho muito! rsrs mas também pesquiso, leio, navego, compro, converso, aprendo. só não jogo, porque não curto.

 

Qual é o seu maior sonho? (podem ser vários)

São tantos. Quero ter uma vida mais tranquila, poder escrever mais, ter mais espaço para refletir, filosofar sem sofrer a pressão do tempo e das obrigações do dia a dia. Ainda estou numa fase de muita ralação, tanto profissional como pessoal e isso exige esforço. Mas acredito que para construir algo, é preciso amassar o barro, empilhar tijolos. Então, tenho que arregaçar a manga mesmo.

 

Qual a sua maior decepção?

Ichh. Atualmente, é o Brasil. Sou uma pessoa bem otimista e acho que a mudança é a gente que faz. Não precisa esperar chefe, o pai ou a mãe ou mesmo o governo. Mas as notcias desse país nos deprimem, não é?! A ganância desmedida e a falta de compaixão pelo próximo chega a doer. Até hoje não me conformei com a execução da Marielle Franco. Uma pessoa que estava fazendo tanto e foi interrompida brutalmente. Quantas baixas teremos que sofrer para mudar algo nesse país?

 

Quais as suas redes preferidas e por que?

Na internet são as redes mais comuns: Facebook, Instagram, Whatsapp. Minha filha quis me apresentar outras, mas parei por aí. kkkk Gosto das redes presenciais, do encontro de amigos, de primos, de irmãs, de desconhecidos. Participo ativamente da Rede Mulher Empreendedora e me alimento com a história de tantas mulheres incríveis. Tenho procurado também participar cada vez mais de grupos de espiritualidade e autoconhecimento. Entrei recentemente num grupo do Sagrado Feminino. Fazemos encontros presenciais e trocamos mensagens pelo whatsapp. É uma delícia!

 

Alice Salvo Sosnowski

 

http://www.opulodogato.org/

http://cinetica.ag/

https://www.linkedin.com/in/alicesosnowski/

Foto: arquivo pessoal

Postado por:
Categorias:
mulher

Procurar

Canais

Novidades por e-mail

Se quiser receber as atualizações por e-mail, deixe seu endereço aí embaixo...

@lufreitas

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons — Tema LadybugBrasil desenvolvido por André Bets e Fabio Lobo